“Quem ta falando isso… são Vagabundos”, diz secretário de saúde sobre críticos de rede social

14O Secretário de Saúde Marco Aurélio Vasques tem ganhando notoriedade por seu envolvimento em polêmicas e sua maneira sincera de tratar assuntos relacionados a ataques contra sua pasta ou contra sua pessoa.

Em um áudio que circula nas redes sociais de uma entrevista a um programa de rádio, ao ser questionado sobre as críticas que recebe nas redes sociais após o surgimento de uma matéria onde é acusado de receber 10 mil reais em diárias, Vasques não mediu palavras e foi duro “Você que está em casa não sabe como que as coisas funcionam, nem sabe o que é empenho estimativo. Me permita usar uma palavra bem… um palavrão, o vagabundo que tá fazendo isso, porque tem que ser vagabundo pra fazer isso, ele não trabalha, ele fica o dia inteiro na mídia social, printa a tela e diz ‘o secretário gastou 10 mil, se eu fiz isso leva na Polícia Federal que eu sou preso”.

Em entrevista ao Folha do Sul, do jornalista Dimas Ferreira, Vasques explicou que os valores das diárias são baseadas em estimativa de acordo com gastos nos anos anteriores e não que ele tenha de fato gasto todo esse valor.

Por Redação

 

1 COMENTÁRIO

  1. O senhor deveria ter vergonha.
    “Se me permita faltar com o respeito, o Senhor secretário de saúde, precisa ter educação e respeito com o cidadão que está preocupado com o dinheiro dele que pelo jeito está sendo gastado pelo Senhor sem nenhum cuidado. Porque o Senhor é um agente público, trabalha para o povo, e recebe um salário bem gordo pra fazer isso. O Senhor serve a sociedade vilhenense Senhor secretário, é a nós que tem que se explicar, quantas vezes for necessário. Á e tem mais, não é obrigado a ficar no cargo, achou difícil dar satisfação para o povo, pode pedir pra sair, a gente não vai ficar lamentando. Me poupe”.

DEIXE UMA RESPOSTA